COMO MONTAR UMA CONSULTORIA E UMA ASSESSORIA NA ÁREA DE ENGENHARIA ELÉTRICA. CASOS DE SUCESSO DE EMPREENDEDORISMO

O momento em que o estudante de engenharia elétrica termina a graduação, além de ser um momento de alívio e muita alegria, é também de grande aflição, com o questionamento do que fará a partir deste momento. Para os que têm a vontade de empreender, duas boas opções são a consultoria e a assessoria.

Segundo Oliveira (2006), consultoria é o “processo interativo de um agente de mudanças externo à empresa, o qual assume a responsabilidade de auxiliar os executivos e profissionais da referida empresa nas tomadas de decisões, não tendo, entretanto, o controle direto da situação. ”

Etimologicamente, assessoria é a ação de auxiliar, ajudar, apontar caminhos (FERREIRA, 1999). Para (MATOS, 2006), o ato de assessorar é “identificado como uma ação que auxilia tecnicamente outras pessoas ou instituições, graças a conhecimentos especializados em determinado assunto, assim, o assessor é tido como um assistente […] que detém conhecimentos que possam auxiliar a quem assessora”

Assim, definimos assessoria/consultoria como aquela ação que é desenvolvida por um profissional com conhecimentos na área, que toma a realidade como objeto de estudo e detém uma intenção de alteração da realidade. O assessor não é aquele que intervém, deve, sim, propor caminhos e estratégias ao profissional ou à equipe que assessora e estes têm autonomia em acatar ou não as suas proposições. Portanto, o assessor deve ser alguém estudioso, permanentemente atualizado e com capacidade de apresentar claramente as suas proposições. (MATOS, 2006).

Ambas, a consultoria e a assessoria, são atividades que se enquadram bem com as atividades da engenharia elétrica, área em que a sociedade atual é altamente dependente, e portanto tem alta demanda, e em que são necessários muitos anos de estudo para conhecê-la com propriedade, tornando o engenheiro o profissional com a capacidade técnica para auxiliar nas tomadas de decisão.

Um exemplo de sucesso nesta área é a de Diogo Lupinari e Marcelo Aguiar, que estudavam engenharia elétrica em Mauá e abriram a Wevo, uma empresa de consultoria e desenvolvimento de softwares de gestão comercial que teve faturamento de R$ 4 milhões em 2017.

O objetivo da Wevo é integrar o sistema de dados de softwares diferentes para solucionar problemas nas empresas. Um exemplo, de acordo com os engenheiros, seria integrar os dados do estoque de uma loja com os dados de vendas pelo e-commerce. Desta forma, seria possível diminuir a quantidade do estoque automaticamente após realizar uma venda online. (PEGN, 2018).

Outro exemplo é o de Ivaldo Mesquita Ferreira, proprietário da Wellcon, que expandiu o negócio para atuar no mercado de energia solar.

Estamos aptos a prestar consultoria e execução de todo o processo, desde o estudo de viabilidade até a execução. Como o foco é segurança das pessoas e meio ambiente, a Wellcon preocupa-se com a praticidade da instalação e manutenção das placas, elaborando um projeto diferenciado. Vale destacar que fomos a primeira empresa a instalar o sistema de energia solar em Aracaju’, orienta Ivaldo Mesquita.(PEGN, 2016)

Para quem está pensando em seguir este caminho, o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), que atua em todo o Brasil, fornece capacitação para quem está iniciando em um novo negócio, inclusive fornecendo consultoria empresarial, mostrando que o Serviço tem know-how na área.

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

FERREIRA, Aurélio Buarque de Holanda. Novo Aurélio Século XXI: o dicionário da língua portuguesa. 3. ed. Revista e ampliada. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1999

MATOS, Maurílio Castro. Assessoria e Consultoria: reflexões para o Serviço Social. In: BRAVO, Maria Inês Souza e MATOS, Maurílio Castro. Assessoria, Consultoria e Serviço Social. Rio de Janeiro: 7 Letras; FAPERJ, 2006.

OLIVEIRA, Djalma de Pinho Rebouças de. Manual de Consultoria Empresarial: Conceitos, Metodologia, Práticas. 6. ed. [s. l.] : [s. n.], 2006.

PEGN – Pequenas Empresas e Grandes Negócios. Amigos faturam R$ 4 milhões com sistema que integra dados de empresas. Disponível em <https://revistapegn.globo.com/Tecnologia/noticia/2018/07/amigos-faturam-r-4-milhoes-com-sistema-que-integra-dados-de-empresas.html> julho de 2018. Acesso em 13 jul. 2018.

______. Empresa sergipana investe no mercado de energia solar. Disponível em <https://revistapegn.globo.com/Banco-de-ideias/noticia/2016/07/empresa-sergipana-investe-no-mercado-de-energia-solar.html> julho de 2016. Acesso em 13 jul. 2018.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *